“O Amor e outros Objetos Pontiagudos”, livro de Marçal Aquino

 

O traço comum nas histórias de “O Amor e outros Objetos Pontiagudos” é que, em todas elas, alguma coisa parece estar chegando ao fim: lealdade, esperança, amizade – a vida, as vezes. E é a consciência de que algo se perdeu de forma irremediavel que move seus personagens.

O homem que só percebe que ama quando a mulher esta fora do seu alcance. O velho contrabandista obrigado a um confronto com os segredos de seu passado. Casais em sua partilha de males. Marginais e seus inúteis acertos de contas. Gente intíma do abismo o suficiente para ensinar – caso não estivesse tentando esquecer – que é sempre perigoso ficar próximo de quem não tem mais nada a perder.

Acuados no mundo sombrio e devastado em que vivem, esses personagens, mais do que confrontar-se, buscam proterge-se com aquilo que têm à mão: ó ódio, o sexo, a vingança e até mesmo o amor – que, eles descobrem, pode ser a mais eficiente das armas quando se deseja ferir.

Mais Informações www.geracaoeditorial.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s