Arquivo do dia: outubro 19, 2011

Prêmios Literários da Biblioteca Nacional – Inscrições abertas até 24/10

Prêmios Literários da Biblioteca Nacional – Inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Literário Fundação Biblioteca Nacional 2011. Até o dia 24 de outubro, os escritores interessados registram suas obras de acordo com a sua categoria, divididas em oito opções: Poesia, Romance, Conto, Ensaio Literário, Ensaio Social, Tradução, Projeto Gráfico e Literatura Infantil e Juvenil (segue abaixo as descrições das categorias). Cada autor só pode concorrer em uma categoria e no máximo com três títulos. Caso a obra tenha mais de um autor apenas um deles poderá fazer a inscrição.

O prêmio, realizado desde 1997 pela Fundação Biblioteca Nacional, é uma forma de reconhecer e apoiar não apenas os melhores livros brasileiros, mas sim aqueles que motivam e engrandecem a literatura nacional. Além das placas comemorativas, cada categoria premia a obra vencedora em 12.500 reais.

Para concorrer, o livro deve ser inédito (1ª edição), publicado em português e no Brasil entre 1º de setembro de 2010 e 31 de agosto de 2011. É obrigatório estar em dia com a Lei do Depósito Legal (Lei nº 10.994, de 14 de dezembro de 2004) e possuir número de ISBN (International Standard Book Number). Não existe nenhuma taxa de inscrição.

Clique aqui para acessar o edital
Retificação dos itens 2.3.1 e 2.9 do Edital

Baixe aqui a ficha de inscrição

Informações também pelo telefone (21) 2220-2057 e/ou pelo e-mail cgll@bn.br.

Descrição das Categorias

Romance: Narrativa ficcional longa.
Conto: Narrativa ficcional curta.
Poesia: Expressão textual lírica que utiliza efeitos linguísticos sonoros, rítmicos e harmônicos, escritos em prosa ou verso. Atividade criativa da linguagem, com base em recursos sintáticos, vocabulares e gramaticais.
Ensaio literário: Textos que apresentam ideias e reflexões a respeito de teoria, interpretação e crítica literária.
Ensaio social: Textos que apresentam ideias e reflexões a respeito de um tema, como História, Filosofia, Ciências Sociais, Política, Sociologia e Antropologia.
Tradução: Obras literárias (romance, conto, poesia, crônicas) traduzidas de outros idiomas para o português do Brasil.
Projeto gráfico: Conjunto da criação e disposição de elementos gráficos e textuais no livro – capa, tipologia, arte, fotos, imagens, cores, formas, texto, diagramação, papel e impressão.
Literatura Infantil e Juvenil: Obras de conteúdo ficcional, podendo ou não conter elementos de não-ficção, que abordam temas e assuntos destinados ao público infantil e juvenil.

Fonte: FBN – http://www.bn.br/portal/index.jsp?nu_padrao_apresentacao=25&nu_item_conteudo=1963&nu_pagina=1

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Palestra com o desembargador J.E. Carreira Alvim em Campo Grande – MS

Sinopse: Certa manhã, depois de um sono intranquilo o desembargador federal  José Eduardo Carreira Alvim, renomado jurista, vice-presidente do tribunal regional federal da 2ª região, acordou convertido em perigoso marginal e por sito enfiado, como preso comum, sob a mira de metralhadoras, numa cela da polícia federal, com tudo filmado pela maior rede de tv do País.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

RESULTADO: Promoção O terceiro irmão



O Terceiro Irmão tem como personagem central o jovem Mike, estagiário de jornalismo enviado à Tailândia para ajudar um colega sênior numa reportagem sobre mochileiros drogados. Em Bangcoc, envolve-se com pessoas um tanto esquisitas e esquece que está lá a serviço de um jornal. Com sentimento de culpa, volta às pressas de Bangcoc porque aconteceu uma tragédia  na família. Passa então a conviver com um sério problema, o irmão Lyle, que parece ter alucinações.

O romance cresce em densidade, linguagem e tensão. E fica ainda mais forte quando aborda o ataque terrorista ao World Trade Center. O personagem imagina os instantes que precedem a colisão dos aviões com as torres. Para Mike, o grande horror da tragédia foi vivido pelos que pularam porque “logo cedo descobriram não haver esperança”.

Este é o segundo romance de Nick McDonell, o autor do sucesso internacional Doze, escrito aos 17 anos, também lançado pela Geração. O Terceiro Irmão amplia aquele mundo de jovens ricos, violentos e drogados. Agora temos um universo ainda mais sombrio, com o horror do ataque às torres gêmeas em 11 de setembro de 2001 e uma família trágica. O jornal The New York Times considerou este livro “um conto de assombração do amor fraterno”.
PROMOÇÃO TERCEIRO IRMÃO

Para participar basta seguir a Geração no twitter e dar RT na frase:

Promoção: dê RT e concorra ao livro #oterceiroirmao da @geracaobooks. Um conto de assombração do amor fraterno. + http://kingo.to/RpY

O sorteio será realizado na tarde de sexta-feira e divulgado no blog.

Resultado do sorteio

Vencedora: Érica Santana – RJ

Sorteio realizado em 21/10/2011 às 18:00:46 por @geracaobooks, através dos usuários que retuitaram http://kingo.to/RpY

@erica__santana

http://sorteie.me/1Y193a

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Prêmio Jabuti seleciona os melhores livros do ano

Prêmio Jabuti seleciona os melhores livros do ano em 29 categorias; veja a lista
A Câmara Brasileira do Livro (CBL) anunciou, nesta segunda-feira (17), os livros do ano nas 29 categorias laureadas pelo 53º Prêmio Jabuti. A última etapa do prêmio acontece no dia 30 de novembro, durante a cerimônia de premiação dos vencedores, quando serão conhecidos o Livro do Ano Ficção e o Livro do Ano Não Ficção, prêmios máximos do Jabuti.

A edição 2011 do Jabuti tem 8 categorias a mais do que em 2010 e passou por mudanças no regulamento, após a polêmica em torno do prêmio concedido a Chico Buarque. O romance do escritor e compositor, “Leite Derramado”, segundo lugar na categoria romance, levou o grande prêmio de ficção do Prêmio Jabuti em 2010, gerando reclamações e até uma petição on-line para que Chico devolvesse o prêmio. Nesta edição, cada categoria teve apenas um vencedor – antes, as três publicações mais bem votadas podiam ser premiadas.

Concorrem a melhor ficção do ano de 2011 os livros: “Ribamar”, de José Castello (vencedor na categoria Romance);  “Desgracida”, de Dalton Trevisan (na categoria Contos e Crônicas);  “Em alguma parte alguma”, de Ferreira Gullar (na categoria poesia); “Obax”, de André Neves (na categoria infantil) e “Antes de virar gigante e outras histórias”, de Marina Colasanti (na categoria juvenil).
 
Para o Livro do Ano Não Ficção, participam os vencedores nas categorias: “Teoria/Crítica Literária” (Câmara Cascudo e Mário de Andrade – Cartas, 1924-1944); “Reportagem” (1822); “Ciências Exatas” (Teoria Quântica: estudos históricos e implicações culturais); “Tecnologia e Informática” (Aprendizagem à distância); “Economia, Administração e Negócios” (Multinacionais brasileiras: internacionalização, inovação e estratégia global); “Direito” (Fundamentos constitucionais do direito ambiental brasileiro); “Biografia” (De menino a homem – de mais de trinta e de quarenta, de sessenta e mais anos); “Ciências Naturais” (Bioetanol de cana-de-açucar – P&D para produtividade e sustentabilidade); “Ciências da Saúde” (Atlas de endoscopia digestiva da SOBED); “Ciências Humanas” (Manejo do Mundo: conhecimentos e práticas dos povos indígenas do Rio Negro);“Didático e Paradidático” (Coleção Pessoinhas); “Educação” (Impactos da violência na escola: um diálogo com professores); “Psicologia ePsicanálise” (Coração… É emoção: a influência das emoções sobre o coração); “Arquitetura e Urbanismo” (Dois séculos de projetos no Estado de São Paulo – Grandes obras e urbanização); “Fotografia” (Fotografia de Natureza); “Comunicação” (Impresso no Brasil); “Artes” (Os Satyros); “Turismo e Hotelaria” (Hospitalidade – A inovação na gestão das organizações prestadoras de serviços) e “Gastronomia” (Machado de Assis: Relíquias Culinárias).
 
Veja a relação completa por categoria, abaixo:
 
Capa – “Invisível ” (João Baptista da Costa Aguiar) – Companhia das Letras
 
Ilustração – “O Corvo” (Manu Maltez) – Editora Scipione
 
Ilustração de Livro Infantil ou Juvenil – “Gildo” (Silvana Rando) – Brinque-Book Editora
 
Arquitetura e Urbanismo – “Dois séculos de projetos no Estado de São Paulo – Grandes obras e urbanização VL 1,2 e3” (Nestor Goulart Reis e Monica Silveira Brito (colaboração) – Imprensa Oficial do Estado de São Paulo/ Edusp
 
Artes – “Os Satyros” (Germano Pereira) – Imprensa Oficial do Estado de São Paulo
 
Biografia – “Alceu Penna e as garotas do Brasil: moda e imprensa 1933 a 1975” (Gonçalo Júnior) – Editora Amarilys
 
In Memoriam – “De menino a homem – de mais de trinta e de quarenta, de sessenta e mais anos” (Gilberto Freyre) – Global Editora
 
Ciências Exatas – “Teoria Quântica: estudos históricos eimplicações culturais” (Olival Freire Jr., Osvaldo Pessoa Jr., Joan Lisa Bromberg (orgs) – Editora Livraria da Física e EDUEPB
 
Ciências Humanas – “Manejo do Mundo: conhecimentos e práticas dos povos indígenas do Rio Negro” (Aloisio Cabalzar) – Instituto Socioambiental
 
Ciências Naturais – “Bioetanol de cana-de-açucar – P&D para produtividade e sustentabilidade” (Luís Augusto Barbosa Cortez (coord.) – Editora Edgard Blücher e Fapesp
 
Ciências da Saúde – “Atlas de endoscopia digestiva da SOBED” – Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva – Marcelo Averbach – Editora Revinter
 
Contos e Crônicas – “Desgracida” (Dalton Trevisan) – Record
 
Comunicação – “Impresso no Brasil” (Anibal Bragança e Marcia Abreu (orgs) – Editora Unesp e Fundação Biblioteca Nacional
 
Didático e Paradidático – “Coleção Pessoinhas” (Ruth Rocha e Anna Flora) – Editora FTD
 
Direito – “Fundamentos constitucionais do direito ambiental brasileiro” (Norma Sueli Padilha) – Editora Elsevier
 
Economia, Administração e Negócios – “Multinacionais brasileiras: internacionalização, inovação e estratégia global” (Moacir de Miranda Oliveira Junior e Colaboradores) – Bookman
 
Educação – “Impactos da violência na escola: um diálogo com professores” (Simone Gonçalves de Assis, Patrícia Constantino e Joviana Quintes Avanci (orgs) – Editora Fiocruz
 
Fotografia – “Fotografia de Natureza” (Luiz Claudio Marigo) – Editora Europa
 
Gastronomia – “Machado de Assis: Relíquias Culinárias” (Rsa Belluzzo) – Editora UNESP
 
Infantil – “Obax” (André Neves) – Brinque-Book Editora
 
Juvenil – “Antes de virar gigante e outras histórias” (Marina Colasanti) – Editora Ática
 
Poesia – “Em alguma parte alguma” (Ferreira Gullar) – José Olympio
 
Psicologia e Psicanálise – “Coração… É emoção: a influência das emoções sobre o coração” (Elias Knobel, Ana Lúcia Martins da Silva, Paola Bruno de Araújo Andreoli) – Editora Atheneu
 
Reportagem – “1822” (Laurentino Gomes) – Editora Nova Fronteira
 
Romance – “Ribamar” (José Castello) – Bertrand Brasil
 
Tecnologia e Informática – “Aprendizagem à distância” (Fredric M. Litto) – Imprensa Oficial do Estado de São Paulo
 
Teoria / Crítica – “Câmara Cascudo e Mário de Andrade – Cartas, 1924-1944” (Marcos Antonio de Moraes (org) – Global Editora
 
Turismo e Hotelaria – “Hospitalidade – A inovação na gestão das organizações prestadoras de serviços” (Geraldo Castelli) – Editora Saraiva
 
Projeto Gráfico – “Theodoro Sampaio – Nos sertões e nas cidades” (Karyn Mathuiy) – Versal Editores
 
Tradução – “O livro de Dede Korkut” (Marcos Syrayama de Pinto) – Editora Globo

Fonte: Uol Notícias
http://entretenimento.uol.com.br/ultnot/2011/10/17/premio-jabuti-seleciona-os-melhores-livros-do-ano-em-29-categorias-veja-a-lista.jhtm

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized